Em defesa de nossos direitos. democracia e por Lula Livre!

Em defesa de nossos direitos. democracia e por Lula Livre!

Escrito por: Carlos Veras é presidente da CUT-PE Presidente Publicado em: 11/05/2018 • Última modificação: 11/05/2018 - 09:45 Publicado em: 11/05/2018 Última modificação: 11/05/2018 - 09:45

Em defesa de nossos direitos. democracia e por Lula Livre!

Antes de ser uma data comemorativa, dedicado a festas, manifestações, passeatas, exposições e eventos reivindicatórios, o 1º de maio, Dia do Trabalhador foi de conscientização política, luta e resistência, principalmente, pela atual conjuntura que enfrentamos, com as investidas golpistas do Governo Temer que aprovou a Emenda 95 (PEC dos Gastos), aprovou a reforma trabalhista e quer impor a Reforma da Previdência. A proposta do governo golpista aumentaria o tempo de contribuição previdenciária de homens e mulheres e poderia até diminuir o valor do benefício, entre outras medidas prejudiciais.

Este ano, seis centrais sindicais realizaram, pela primeira vez, um ato conjunto de 1º de Maio, e exatamente em Curitiba, onde desde sábado (7) está preso o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Foi  uma manifestação de solidariedade, de denúncia internacional – várias entidades serão convidadas – e de apresentação de uma pauta conjunta de reivindicações, a ser inserida no debate eleitoral deste ano. A Central Única dos Trabalhadores de Pernambuco participou com uma grande delegação do ato e esteve na organização de atos em Recife e por todas as regiões do estado.

A manifestação envolveu CSB, CTB, CUT, Força Sindical, Nova Central e UGT. Todas manterão eventos já programados no período da manhã. À tarde, dirigentes sindicais marcaram presença para a capital paranaense, onde houve um ato previsto às 17h, em solidariedade ao ex-presidente e também para discutir as reivindicações dos trabalhadores, contrários à proposta do governo de "reforma" da Previdência, e pela revogação da "reforma" trabalhista. Representantes das centrais já vem se reunindo para elaborar uma agenda comum de ações e iniciativas para a classe trabalhadora. A união é fundamental.

Sublinhamos aqui também a importância do processo vivido na construção e atualização da plataforma trabalhadora que a CUT PE realizando etapas temáticas regionais por todo o estado de Pernambuco. A construção da plataforma acumula debates e organização de comitês para a propostas aos candidatos ao governo do estado, mas também para a defesa de Lula e um grande 1º de maio, assim como priorizarmos a construção do Congresso do Povo proposto pela Frente Brasil Popular e que terá grandes etapas estaduais e nacionais, juntando 100 mil em julho, no Maracanã (RJ).

História

Foram dias marcantes na história da luta dos trabalhadores por melhores condições de trabalho. Para homenagear aqueles que morreram nos conflitos, a Segunda Internacional Socialista, ocorrida na capital francesa em 20 de junho de 1889, criou o Dia Internacional dos Trabalhadores, que seria comemorado em 1º de maio de cada ano.

A história do Dia do Trabalhador remonta ao ano de 1886 na industrializada cidade de Chicago (EUA). No dia 1º de maio deste ano, milhares de trabalhadores foram às ruas reivindicar melhores condições de trabalho, entre elas, a redução da jornada de trabalho de treze para oito horas diárias. Neste mesmo dia ocorreu nos Estados Unidos uma grande greve geral dos trabalhadores.

Dois dias após os acontecimentos, um conflito envolvendo policiais e trabalhadores provocou a morte de alguns manifestantes. Este fato gerou revolta, provocando outros enfrentamentos com policiais. No dia 4 de maio, num conflito de rua, manifestantes atiraram uma bomba nos policiais, provocando a morte de sete deles. Foi o estopim para que os policiais começassem a atirar no grupo de manifestantes. O resultado foi a morte de 12 protestantes e dezenas de pessoas feridas.

Atualizando o tema, luta e história do 1º de maio lembramos da prisão injusta e política do Presidente Lula e reafirmamos nossa determinação firme na defesa e na solidariedade do trabalhador metalúrgico que foi o melhor presidente que o Brasil já teve. Seguimos adiante com muita coragem para luta e por Lula livre!

*Carlos Veras é trabalhador rural da cidade de Tabira e está na presidência da CUT PE 




Informativo CUT PE

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.